Morre vítima da COVID19 Levy Fidelix político que foi condenado por homofobia

Morreu, nesta sexta-feira 23, o presidente nacional do partido PRTB, Levy Fidelix, o político era conta os direitos da comunidade LGBT e já até foi condenado por homofobia.

O politico Tinha 69 anos e teve complicações após contrair o vírus da covid-19, segundo pessoas ligadas à sua familia.

Em fevereiro de 2017, a Secretaria de Justiça e da Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo manteve condenação contra Fidelix por homofobia.

Ele foi condenado e teve que pagar multa no valor de R$ 25 mil após ser enquadrado na Lei 10.948/200 do Estado de São Paulo.

Em 2014, durante debate com candidatos á Presidência da República transmitido pela RecordTV, Fidelix disse sobre gays que “aparelho excretor não reproduz”.

O político também afirmou que a sociedade deveria “enfrentar” a minoria e que gays deveriam ser atendidos no plano psicológico e afetivo “bem longe da gente”.

Fidelix era apoiador do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e ficou conhecido por defender projeto chamado por ele de “aerotrem” como meio de transporte público.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *